Férias, ansiosidade, fic e livros. Acho que isso resume muito bem meu janeiro que passou rápido (quando eu não estava surtando por resultados que ainda espero em parte).  De qualquer forma me joguei nas minhas playlists esse mês desenterrando algumas coisas que não ouvia há tempos ou conhecendo bandas novas.



5) Glad You Came — Boyce Avenue
A canção é original do The Wanted, mas para variar eu gosto mais dela com os arranjos do cover do Boyce Avenue. E foi trilha constante quando eu pegava os fones.

4) Norah Jones – Chasing Pirates
Um pouco de Jazz nunca é demais, e nessa vibe que estava durante o mês. Houveram mais canções da Norah, Love Me e What Am I to You dentre elas. Mas  acho que eu também estava fugindo de

3) Avril Lavigne – Give You What You Like
Ela voltou! Ando ouvindo muti Avril Lavigne é verdade. Esse mês focada mais nessa musica que ainda acho dá um bom tema de história. O ritmo meio contry da canção tem uma vibe interessante, e provavelmente foi um dos motivos pra ter me viciado. 

2) Demons – Imagine Dragons
Jennifer me mostrou a musica já quase na metade de janeiro, e eu não só não consegui parar de ouvir Demons como baixei a disco inteira do Imagine Dragons. A banda de indie rock tem ótimas composições e instrumentais que me fizeram surtar MUITO. Só não ficou em primeiro porque o outro surto foi muito forte.

1) Fields Of Gold – Celtic Woman
Eu não ouvia CW com tanta frequência a um tempo já, mas acho que minha vibe de lendas mitológicas europeias ajudou a “ressuscitar” o vício, e não é que passei boa parte do mês — pra não dizer o mês todo — ouvindo as composições do grupo? Não sabia se usava essa musica ou algum solo da Máiréad que foram os que mais ouvi. Essa violinista baixinha arrasa em suas apresentações!

Para variar as musicas me deixaram com vontade de escrever num projeto de estória medieval que tenho roteirizado aqui.  Mas isso é tema pra outro post...


Um Comentário