2 Comentários

  1. Nossa, isso tem tanto a ver comigo...
    Sabe, eu sempre deixo a porta aberta e algumas pessoas alcançam lugares especiais por si só.

    Mas e quando elas vão embora e eu fico na porta esperando pela volta que não acontece?
    Então me pergunto se como agora, quando a volta acontecer, essa porta vai estar aberta, porque infelizmente não gosto de sofrer e não vou ficar parada na frente a vida toda. A minha questão é, vou querer? Acho que não... Porque agora já estou no estágio em que percebi que posso sim viver sem, que 'foi melhor assim'.

    Mas poxa vida! Isso me assusta, eu não quero dizer "não vou te abandonar" e deixar de "estar sempre aqui"... Não quero dizer "te amo" e depois descobri que não será pra sempre...

    Da mesma forma, tenho medo de ser assim, tão desligada e desnaturada e ficar entrando e saindo o tempo todo da vida das pessoas que amo... Será que um dia não vou poder voltar?

    Sabe, não é grande coisa.
    Mas tenho medo desses meus erros pequenos.
    Dessas pequenas atitudes, de perder sem perceber, de ser sutil e quando eu ver... Não está mais lá.
    (essa música está me deixando extremamente emotiva enquanto escrevo ~ "After School - Play ur love"

    Quero mudar, sabe! Te contei? Em vários fatos.
    Quero deixar de ser boba! Mas pra isso terei que deixar de ser sincera com meu coração?
    Me orgulho de pensar que posso ser tudo. Extremamente exagerada (essa sentença seja ser irônica né? LOL), viciada e apaixonada demais...
    Mas sou sincera, faço de coração... Só me ferro se tentar se diferente de mim mesma.


    Ah~ Deixa pra lá.
    Do que eu estou falando mesmo?
    GENTE TENHO QUE IR~

    Beijos~♥

    ResponderExcluir
  2. "Sabe, eu sempre deixo a porta aberta e algumas pessoas alcançam lugares especiais por si só."
    Espero que eu esteja conseguindo =D

    Eu pensei em muitas coisas desse tipo quando li a frase, porque o problema de "fechar a porta" é que ela quase certamente não volta a ser aberta.

    "Mas poxa vida! Isso me assusta, eu não quero dizer "não vou te abandonar" e deixar de "estar sempre aqui"... Não quero dizer "te amo" e depois descobri que não será pra sempre..."

    Isso é muito complicado quando agente analisa unnie, pq as vezes agente diz isso e quer mesmo continuar tentando, mas a pessoa decepciona tanto com suas ações que por mais que queiramos não dá pra conseguir continuar...

    "Da mesma forma, tenho medo de ser assim, tão desligada e desnaturada e ficar entrando e saindo o tempo todo da vida das pessoas que amo... "
    Não te acho desligada não! da onde vc tirou isso!?

    "Sabe, não é grande coisa.
    Mas tenho medo desses meus erros pequenos.
    Dessas pequenas atitudes, de perder sem perceber, de ser sutil e quando eu ver... Não está mais lá."

    Só o fato de você pensar nisso já prova que vocÊ sempre se preocupa unnie, te conheço a um tempo razuavel pra dizer que vc não é o tipo de pessoa que abandona alguem assim, se vc se afasta é pq tem motivo.

    "Quero deixar de ser boba! Mas pra isso terei que deixar de ser sincera com meu coração? "
    Acho que não deixar de ser sincera, mais proteger ele um pouquinho, o coração pode ser o músculo mais forte do corpo, mas é o mais fácil de ser ferido...

    Beijos Unnie!

    ResponderExcluir