Mais uma noite pra mim,
Talvez um longo dia para você
Porque será que tem de ser assim?
Porque essa dor não tem fim?
A solidão de não te ter...
Só  um resultado por te querer...

Me pego mais uma vez buscando sinais
Nas entrelinhas de uma musica qualquer
Analiso-a e penso um pouco mais
Seria a resposta para o que meu coração quer?
Sem te ouvir, não consigo entender.
Me diga, o que você tem a me dizer?

Sua voz ecoa na minha mente
Talvez seja algum sinal
Um doce mal
De um coração doente...

Doente por te amar,
Por não poder te encontrar...
Doente por te querer,
Mas não poder te ter...
Doente por sonhar com seu sorriso,
Mas quem sou eu para merecer esse paraíso?

Apenas terá que ser assim
Talvez um dia essa tristeza tenha  um fim
Até lá me contentarei com a marca que você deixou
Um toque invisível que me marcou
Um sonho lindo que não se apagou...



Lee Pryh
 14.02.2011 - 19:35 PM


Deixe um comentário